Sua porta de entrada para a França
  Loja Online

Saiba tudo sobre trabalho e estudos na França

Publicado em: 22 de novembro de 2018
trabalho e estudos na França

Para muitos estudantes estrangeiros na França, o trabalho acaba sendo a melhor opção para se manter e pagar seus estudos na França. Porém, algumas dúvidas surgem, como: será que é fácil conseguir um trabalho? É possível conciliar os estudos e trabalho?

Para tentar esclarecer essas e mais dúvidas, o Universidades franceses vai listar 5 informações importantes que você precisa saber sobre trabalho e estudos na França.

 

1 Formalidades administrativas

O primeiro ponto muito importante é saber se o seu visto te permite trabalhar na França. O visto de estudante, por exemplo, permite exercer atividade remunerada, mas, para isso, é preciso realizar as formalidades administrativas junto ao OFFI (Office Français de l’Imigration et de l’Intégration) depois de 3 meses no país.

Para os doutorandos o cenário muda, pois quem faz doutorado na França se enquadra no posto FFI (Faisant Fonction d’Interne), por isso, se esse for o seu caso, deverá procurar a préfecture do seu local de residência para mais informações.

 

2 Veja se vale a pena trabalhar

Como foi dito anteriormente, o trabalho acaba sendo a melhor opção para estudantes estrangeiros se manterem na França, porém, é sempre bom pensar se o trabalho não vai interferir nos seus estudos

A graduação na França (licence) é período integral, o que torna mais difícil para os estudantes encontrarem um trabalho que não interfira nos horários de aula. Por isso, talvez seja melhor não trabalhar, pelo menos durante o primeiro ano da graduação, para que você se ambiente com o ritmo de estudos e, depois, no segundo ano, tente encontrar um job étudiant.

No caso do mestrado (master), os horários são mais flexíveis e, por isso, acaba sendo mais fácil conciliar trabalho e estudo. No caso do doutorado (doctorat), a pesquisa já é em si um trabalho, então o doutorando vai receber uma bolsa para realizar sua pesquisa.

 

3 Mandando o currículo

Uma das diferenças entre o Brasil e a França é o currículo. O currículo francês é um CV mais resumido, é composto apenas pelas suas principais experiências profissionais e cursos já feitos. Além disso, uma informação que não costumamos encontrar nos currículos brasileiros, mas que é um grande diferencial na França, é o centre d’intérêt. Nele, você deve que falar dos seus interesses, mas, atenção! Não vale só falar, por exemplo: “gosto de ver filme e séries”, tente ser mais específico, fale algo como: “gosto de ver filmes franceses, gosto de ver filmes do Woody Allen” etc.

Além disso, o currículo sempre vem acompanhado de uma lettre de motivation. Nela, você vai falar das suas motivações em querer trabalhar nesse posto e nessa empresa. Isso também não é uma prática muito usual no Brasil, mas ela é algo natural e necessário para postular para qualquer cargo na França.

 

4 Job étudiant

Jobs étudiant, como o nome já diz, são empregos para estudantes, isso porque eles geralmente são de tempo parcial, o aluno pode trabalhar até 60% do tempo anual legal de trabalho, ou seja, 35 horas semanais durante 7 meses.

Esses jobs étudiant podem ser, tanto para trabalhar durante o ano letivo, quanto para trabalhar durante o verão. Os franceses, por exemplo, costumam usar as férias de verão para trabalhar e juntar dinheiro, assim durante o período letivo eles podem se concentrar nos estudos.

 

5 Procura as vagas online, mas também pessoalmente!

Procure as vagas em aberto no sites de empregos franceses, mas também distribua seu currículo nas lojas! Às vezes a interação pessoal é uma vantagem para conseguir um emprego.

Outra dica importante é ler nosso post sobre o mercado de trabalho na França, lá a gente fala como expandir suas redes de contatos profissionais na França.

 

Embora seja um pouco mais difícil para um estudante estrangeiro conseguir um trabalho –por conta da barreira da língua e questões formais administrativas –, a França possui muitas oportunidades, por isso não desanime se você não achar um emprego de imediato!

 

Se você está planejando sua ida para a França, o Curso de Francês Online – CFOL tem um guia passo a passo para estudos na França, lá eles também falam sobre trabalho e estudos!

 

Comenta aqui suas dúvidas em relação a trabalho e estudos na França que a gente te responde, além disso, visite nossa página no facebook, lá você consegue acompanhar toda vez que tem post novo e alguma novidade sobre intercâmbio na França.

últimos artigos

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *