agosto 27, 2021

Ensino pós-secundário na França: onde estudar?

Está na reta final do Ensino Médio e deseja planejar o próximo passo da sua vida acadêmica? Terminou o ensino secundário e pretende prosseguir com os seus estudos frequentando instituições francesas? Que notícia boa! Você não poderia ter escolhido destino melhor! Portanto, conheça agora alguma dicas sobre o ensino pós-secundário na França!

Por que a França?

É que, estando a França entre os países da Europa que mais investem em educação, as formações ali oferecidas são diversificadas. Dessa forma, são de altíssima qualidade e mundialmente reconhecidas! Não é incrível?

As universidades, as Grandes Écoles, os institutos especializados. Em outras palavras, há realmente muitas possibilidades para quem está buscando ingressar no ensino pós-secundário na França.

Portanto, se esse também é o seu sonho, continue a leitura e conheça as principais opções disponíveis para você!

1. As universidades e ensino pós-secundário na França

A maioria dos estrangeiros que optaram por estudar na França está matriculada nas grandes universidades. 

Podendo ser públicas ou privadas, essas instituições se ocupam das mais variadas esferas do conhecimento.  Dessa forma, oferecem uma enorme gama de cursos superiores – primeiro licences, equivalentes à graduação. Além de masters e doctorats, que equivalem, respectivamente, aos mestrados e aos doutorados. 

Algumas das universidades mais renomadas do mundo estão justamente em terras francesas, localizadas tanto em Paris. Citemos, por exemplo, a Université Paris Sorbonne, a Université Paris Diderot e a Université Paris Descartes – quanto em outras das mais importantes cidades do país – valendo mencionar, então, a Université Aix-Marseille, a Université de Bordeaux e a Université de Lyon.

2. As Grandes Écoles 

Menores, muito tradicionais, prestigiadas e, em geral, especializadas em determinadas áreas – como engenharia e comércio, por exemplo -, há centenas de Grandes Écoles na França, as quais também podem ser públicas ou privadas.

Portanto, destacamos, dentre outras, a École Normale Supérieure, a École Polytechnique e a École des Hautes Études Commerciales. Em outras palavras, por serem instituições de excelência, têm bastante concorrência e um processo seletivo bem rígido. 

Inclusive, vale mencionar que, a fim de conseguir bons resultados no exame de admissão das Escolas, muitos candidatos fazem intensos cursos preparatórios – os prépas, Préparatoires aux Grandes Écoles.

3. Institutos especializados 

Sendo a França um país que se destaca em algumas áreas em especial, você já deve ter ouvido falar em alguns institutos que oferecem formações específicas e especializadas

Em outras palavras, é o caso das escolas Le Cordon Bleu, Ferrandi Paris e Lenôtre. Essas, são destaque em todo o mundo como grandes referências no campo das artes culinárias.

No que se refere à moda, a Esmod, o Institut Français de la Mode e a École de la Chambre Syndicale de la Couture Parisienne também têm grande reputação.

Quantas opções, não? A verdade é que tanto as universidades e as Grandes Écoles quanto os institutos especializados garantem formações de renome e de excelente qualidade. Na hora de escolher, basta então considerar a área de estudo na qual você pretende construir uma carreira e optar pela melhor alternativa.

Você também precisa saber o gasto médio que um estudante tem na França. Leia em nosso outro artigo!

+ posts

Seja o primeiro a saber

Assine nossa Newsletter

Thank you for your message. It has been sent.
There was an error trying to send your message. Please try again later.

One Comment

  1. Margareth Sila Pinheiro Francisco 25 de setembro de 2020 at 5:41 - Reply

    Super interessante 🧠🍃👌

Leave A Comment

+ posts