Sua porta de entrada para a França
  Loja Online

Entenda o calendário escolar francês

Publicado em: 18 de dezembro de 2014

Na França há dois tipos de calendários: o civil que começa em janeiro e o acadêmico que começa em outubro (setembro para as escolas primárias e o ensino médio).  Por mais incrível que pareça, muitas pessoas falam do ano acadêmico quando se referem ao ano ‘‘que vem’’. Isso vem do fato que até politicamente há férias em agosto, daí a idéia de recomeço em setembro.


Composição do calendário escolar francês

Na universidade francesa o ano acadêmico se divide em dois semestres, cada um tendo uma duração de 12 semanas de aulas. A primeira parte começa em outubro (fim de setembro ou início de outubro dependendo das universidades) e acaba na semana que precede o Natal. Nesse momento o aluno terá duas semanas de férias para descansar, mas também para começar a estudar para as provas de Janeiro.

Às vezes o aluno terá uma semana de aulas antes de ter mais ou menos uma semana emendada que é dedicada às revisões das provas. Depois o resto do mês de janeiro serve às provas (escritas e orais). Segundo os períodos do mês e segundo a região em que se encontra, o aluno beneficiará de férias de alguns dias.

Pela metade ou no fim do mês de fevereiro começa o segundo semestre que terá mais ou menos o mesmo número de semanas de aulas. Por volta da Páscoa, o estudante terá duas semanas de férias (férias de primavera). Mais uma vez essas férias podem ser aproveitadas para descansar, mas também estudar para as provas que começam pelo fim de Maio e em Junho. O estudante na França entra de férias geralmente pela metade de Junho.


As férias de verão

Tendo férias de verão bastante compridas, os alunos geralmente aproveitam para trabalhar (trabalhos de verão ou jobs d’été). Os alunos que trabalham em Julho e∕ ou Agosto viajam geralmente em Setembro ou, se tiver dinheiro já em Junho, visto que a alta estação ainda não começou ou já terminou e desse jeito os preços são mais interessantes para um bolso de estudante.

Mas essas férias são condicionadas pela obtenção do ano! Até pouco tempo atrás, as provas de recuperação aconteciam em Setembro, invalidando a possibilidade de viajar e de aproveitar do mês de Agosto, já que o aluno devia se dedicar aos estudos. Desde uma reforma nacional dos calendários universitários, algumas universidades propõem a sessão de exames de recuperação logo depois da publicação das notas, ou seja, em janeiro∕ fevereiro para os exames do primeiro semestre e na segunda metade de junho para os exames do segundo semestre.

As universidades francesas não têm tantas férias como os alunos do primário e do ensino médio, já que esses alunos têm férias mais ou menos a cada seis semanas: com um reinício das aulas por volta do dia 5 de Setembro, eles ficam de férias 10 dias no fim de Outubro, chamadas férias da Toussaint (Todos os Santos), depois têm as férias de Natal (2 semanas), mais 2 semanas em Fevereiro e enfim 2 semanas na Páscoa. Eles entram de férias de verão pelo fim de Junho.

Quantas férias! Sim, mas devido também a uma carga horária diária mais exigente do que nos outros países europeus, por exemplo.

Gostaria de estudar na França, cursar uma Graduação ou Pós-graduação nas melhores universidades francesas? Nós te ajudamos a realizar seu projeto! Venha conhecer o IFESP e agende uma orientação acadêmica.

últimos artigos

1 comentário

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *