Sua porta de entrada para a França
  Loja Online

Estudar Nutrição na França

Publicado em: 9 de janeiro de 2015
Estudar Nutrição na França

O estilo de vida moderno, aliado às altas taxas de morbimortalidade relacionadas ao consumo inadequado de alimentos, dificuldade de tratamento e elevado custo de saúde demanda profissionais de Nutrição voltados para a prevenção de riscos e à promoção da saúde.

A França oferece um sistema de ensino superior excelente, não só para os seus cidadãos, mas também para estrangeiros. O país tem uma tradição de inovação científica e tecnológica que garante aos estudantes brasileiros um ensino de qualidade nas áreas científicas como a da Nutrição.

Formações em Nutrição

Programas de Nutrição se dirigem aos estudantes com interesse na área da Saúde, Nutrição saudável e Biologia.  Tem como objetivo a formação de pessoas capacitadas para docência e pesquisa, tanto básica, experimental quanto  aplicada, e para a atuação em políticas públicas de alimentação e nutrição, buscando contribuir para o avanço da ciência e para a promoção da saúde da população.

Graduações

  • Licence pro. Nutrition et Alimentation humaine – Université de Montpellier
  • Licence pro. Alimentation, Santé – Université Lyon 1
  • Licence pro. Alimentation, Santé – Université de Brest

(A Licence Pro é uma formação que se cursa no último ano de Graduação na universidade francesa e que permite adquirir competências profissionais de uma área muito específica.)

  • Licence Sciences pour la Santé – Université d’Auvergne
  • Licence Sciences de la Vie – Université Rennes 1

Além de uma graduação na universidade, é possível cursar dois tipos de formações técnicas (2 anos de ensino superior):

  • BTS Diététique (Certificado de técnico superior em Dietética)
  • DUT Génie biologique option Diététique (Diploma universitário em Tecnologia – diploma de Biólogo especializado em Dietética)

Pós-graduações

Pós-graduações em universidades francesas:

  • Master Marketing de la Santé- Université Pierre et Marie Curie (Paris 6)
  • Master Professionnel Développement de Produits de Santé – Université de Limoges
  • Master Gestion de la qualité nutritionnelle et marketing des produits alimentaires – Université Lille 1
  • Master sciences de l’aliment et nutrition humaine – Université de Nantes
  • Master pro. activités physiques pour la santé – Université de Nice

Pós-graduações em Grande École de Commerce:

  • ESCP Europe- MS Management Pharmaceutique et des Biotechnologies
  • Grenoble Ecole de Management – MS Biotechnology & Pharmaceutical Management
  • Toulouse Business School – MS Management de la Santé : Industries de la Santé et des Biotechnologies
  • ISC Paris – MBA Marketing des industries de la santé

Pós-graduações em Escola de Engenharia:

  • Master pro. nutrition, agrovalorisation, sécurité de l’aliment – Montpellier Sup Agro
  • Master recherche nutrition et santé – AgroParisTech
  • Diplôme d’Ingénieur, spécialité sciences et techniques des aliments – Institut Polytechnique de Bordeaux (ENSCBP)
  • Diplôme d’Ingénieur, spécialité alimentation et santé – Institut polytechnique LaSalle Beauvais (Paris)

Áreas de trabalho contempladas

Cabe ao nutricionista um amplo espectro de possibilidades de atuação e de participação na sociedade.

Antes, sua atuação era concentrada em Nutrição Clínica, Alimentação Institucional e Nutrição em Saúde Coletiva, porém atualmente sua atuação abrange também Ensino e Educação, Nutrição no Esporte, Indústria de Alimentos e Marketing em Nutrição.

Confira as funções do nutricionista segundo a área de trabalho:

  • Administração: Supervisionar e gerenciar a produção de alimentos em indústrias alimentícias e outros estabelecimentos
  • Controle nutricional: Criar cardápios balanceados para todos os tipos de cliente.
  • Desenvolvimento de produto: Pesquisar e desenvolver produtos para a indústria alimentícia, fazendo testes culinários e degustação dos pratos. Prestar consultoria a empresas do setor de alimentos.
  • Gastronomia: Controlar a qualidade da cozinha e as condições de higiene de restaurantes.
  • Marketing: Coordenar pesquisas de produtos, testes de receitas e serviços de atendimento ao consumidor.
  • Nutrição clínica: Prescrever dietas a pacientes em hospitais, clínicas, ambulatórios ou consultório, e adaptar a alimentação aos tratamentos clínicos.
  • Nutrição esportiva: Elaborar e coordenar o acompanhamento alimentar de atletas e praticantes de atividade física.
  • Saúde coletiva: Realizar e coordenar atividades de alimentação e nutrição para programas institucionais, de atenção básica e de vigilância sanitária.
  • Docência e pesquisa: Atuar em atividades de ensino, extensão e pesquisa relacionadas à alimentação e à nutrição.

Planeja estudar na França? Te ajudamos a montar seu dossiê de candidatura, além de oferecer uma preparação intensiva e de qualidade aos Exames de Proficiência  em francês exigidos pelas instituições francesas.

Realize seu sonho, agende já sua orientação acadêmica personalizada!

últimos artigos

2 comentários

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *