Sua porta de entrada para a França
  Loja Online

Como trabalhar na França com seu visto de estudante?

Publicado em: 16 de junho de 2015

Você vai para França para estudar um semestre ou um ano e quer trabalhar ao mesmo tempo para financiar seus estudos ou adquirir mais experiência profissional? Universidades Francesas te apresenta tudo que você tem que saber para poder trabalhar na França com seu visto de estudante.

O visto de estudante

O visto de estudante destina-se aos estudantes que realizarão cursos de duração superior a 90 dias ministrados por Universidades, Escolas ou outras instituições (como Institutos de francês) reconhecidas pelo Ministério francês da Educação.

Os brasileiros que possuem um passaporte europeu ou um passaporte suíço beneficiam-se da livre circulação como estudantes e não precisam de visto no Espaço Econômico Europeu (EEE).

Para permanecer na França menos de 90 dias, os brasileiros não precisam de um visto especial e viajam na condição de turista.

Os pós-doutorandos devem solicitar um visto de pesquisador (visa scientifique) e não um visto de estudante. Os menores de idade, devem solicitar um visto de categoria “menor escolarizado”.

Na França, enquanto estrangeiro, você pode trabalhar, ou seja, exercer uma atividade profissional de até 60% do tempo legal de trabalho na França (35 horas semanais) com seu visto de estudante sem precisar de uma autorização especial.trabalhar na França com seu visto de estudante

Visto de estudante e trabalho: o que fala a lei?

Como estudante na França e não tendo a nacionalidade de um país da União Europeia ou da Suíça, na maioria dos casos você terá:
– o visto de estudante de longa duração (visa de long séjour étudiante valant titre de séjour VLS-TS).
– ou a autorização de residência temporária com menção estudante (carte de séjour temporaire portant la mention étudiant).

Esses dois vistos lhe permitem ter um emprego, de maneira acessória, durante seus estudos de até 60% da duração anual legal de trabalho. Ou seja, você pode trabalhar um máximo de 964 horas por ano, o que corresponde a 7 meses de trabalho de tempo integral (35 horas por semana).

Seu empregador deverá declarar sua situação de empregado à prefeitura do seu domicílio se você tem o visto de estudante de longa duração ou à prefeitura que lhe deu sua autorização de residência temporária, pelo menos 2 dias antes de começar a trabalhar.

Essa declaração deve ser acompanhada de uma cópia de seu visto ou autorização de residência e precisar a natureza do seu emprego, a duração de seu contrato, o número de horas de trabalho anuais e a data prevista de início do trabalho.

trabalhar na França com seu visto de estudanteDo visto de estudante ao visto de trabalho

Para poder trabalhar mais do que as 964 horas por ano autorizadas na liberação do seu visto de estudante, você deverá solicitar uma autorização provisória de trabalho, antes de começar a trabalhar.

A demanda de autorização provisória de trabalho deverá ser acompanhada de:
– um contrato de trabalho ou “promessa de emprego” – promesse d’embauche (documento oficial na França de um empregador que promete contratar você no futuro quando o contrato de trabalho ainda não foi assinado)
– o visto de estudante ou a autorização de residência temporária.

O salário mínimo na França é alto

O salário mínimo legal na França – o SMIC (Salário Mínimo de Crescimento Inter- profissional) foi fixado em 1o de janeiro de 2015 a 9,61 euros por hora, ou seja 33 reais por hora

Isso corresponde a um salário bruto mensal de 1 457,52 euros para 35 horas de trabalho por semana, ou seja, 5 066 reais mensais brutos ou 17 490,20 euros brutos por ano (um salário de 59 1456 reais por ano).

trabalhar na França com seu visto de estudante

O salário mínimo aumenta geralmente a cada ano. Entre 2014 e 2015, o SMIC aumentou 0,8%, passando de 9,53 euros a 9,61 euros por hora.

Para obter mais informações, tirar dúvidas ou conversar sobre o seu projeto de estudos, entre em contato para agendar uma entrevista de orientação acadêmica personalizada.

Monte já seu dossiê de candidatura para universidades francesas  com o IFESP.

Contate-nos pelo telefone: +55 11 3031 3599 ou  +55 11 2308-7837 ou pelo e-mail: [email protected]

últimos artigos

9 comentários

  1. Se eu quizer ficar no consulado pra trabalhar e estudaar. Teatro musica e estrumento musicais e cinema. Sem indicaçao de uma escola o que devo fazer tenho passaporte queria so o visto pra ficar no consulado por longo prazo por onde começo. Meu nome e Maria Heloisa dos santos moro em Brasilia me orienta por onde entrar

    1. Bonjour Naegelli,
      Uma boa alternativa para você seria programa AU PAIR, mas você também pode conseguir visto para trabalhar na França através do Programa Férias-Trabalho. Sugiro que você leia este artigo, ele pode te interessar:
      https://www.universidadesfrancesas.com.br/programa-ferias-trabalho-brasil-franca/

      Para obter mais informações sobre estudos, vistos e possibilidades de trabalho na França, agende uma orientação acadêmica conosco: https://cursodefrancesonline.com.br/orientacao-academica/

      À bientôt

  2. Boa Noite, eu pretendo trabalhar como Baby Sitting e já tenho uma Família, eles também pretendem me dar alojamento e alimentação. Eu apenas assinaria o contrato e levaria para a prefeitura? O contrato consta 18 horas semanais.
    Eu irei com visto de Estudante, Longa duração. Para Uma Mobilidade Acadêmica na Lyon2!

    Aguardo resposta, flores na caminhada!

  3. Olá, boa noite eu tenho um tio que mora na França e ele me convidou para fazer lycee lá. O que eu preciso para poder obter um visto? E estudantes de lycee brasileiros podem trabalhar? Ficaria grato se pudesse me responder

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *