Sua porta de entrada para a França
  Loja Online

Como é o processo seletivo para estudar arquitetura na França?

Publicado em: 23 de maio de 2019
omo estudar arquitetura na França

Depois de contar sobre o processo seletivo para estudar na França, hoje vamos falar especificamente sobre o processo seletivo para os cursos de arquitetura na França.

Diferente dos outros cursos, quem vai tentar estudar Arquitetura, Design, Belas Artes, Música, Dança, Cinema, entre outros, vai passar pelo processo seletivo da Campus Art, a plataforma da Campus France destinada aos cursos de Artes.

 

Escolha a sua formação

A parte mais difícil para os candidatos talvez seja escolher em qual escola de arquitetura estudar. Por isso, a plataforma CampusArt tem uma ferramenta de busca personalizada, na qual você pode achar a melhor formação para você, pensando no nível de língua exigido, nível de escolaridade, área de conhecimento e especialização.

 

Primeiro de tudo: entenda a formação de arquitetura

Para ser arquiteto na França é preciso passar por um total de 6 anos de estudos que são divididos em 3 ciclos. Além disso, é importante ressaltar que a formação em arquitetura na França é multidisciplinar, por isso o aluno passa também por estudos de artes e ciências humanas.

 

Primeiro ciclo: dura três anos, neles é esperado que o aluno realize estágios de 4 a 6 semanas. No final do primeiro ciclo, o estudante obtém o Diplôme d’études en architecture (DEEA) que lhe confere o diploma de licence em arquitetura na França. Esses primeiros anos são destinados aos conhecimentos de base, processos de concepção, compreensão e prática de projetos.

Segundo ciclo: Tem a duração total de dois anos, conduz ao Diplôme d’état d’architecte (DEA) que dá acesso ao grau de Master. Nesta segunda etapa, os estágios também estarão presentes e têm duração de 2 a 4 meses, uma vez que esse ciclo influencia na opção de inserção profissional do estudante.

Terceiro ciclo: Se o estudante optar em seguir a área acadêmica, ele será conduzido após mais 6 semestres de estudos ao Doctorat en architecture. Outra opção são os diplomas específicos como os Diplômes propres aux Ecoles d’architecture (DPEA) ou os Diplômes de spécialisation et d’approfondissement (DSA), além de mestrados especializados (Masters spécialisés). A maioria desses certificados são preparados em conjunto com outras universidades, escolas de arquitetura e, em alguns casos, escolas de engenharia.

 

Inscrição online

Qualquer estudante não europeu que more em uma país que possua agência Campus France, deverá realizar sua candidatura pela plataforma Études en France. Além disso, como nem todas as escolas de arquitetura na França são conectadas a esse procedimento, o candidato deverá também ter uma conta na CampusArt.

 

Fique atento às datas

Para os cursos de artes, as datas de candidaturas são diferentes em relação as dos outros cursos. Em 2019, por exemplo, o prazo foi dia 28 de fevereiro, enquanto o dos outros cursos foi até o dia 15 de março.

 

Os pré-requisitos

Para entrar em um curso de arquitetura na França, sem passar por o que eles acham de “anos preparatórios”, será necessário comprovar que você já tem anos de estudos na área. Além disso, você também terá que comprovar um certo nível de língua através do TCF – DAP, o teste de proficiência exigido pelas escolas de arquitetura na França. Segundo a Campus France, “as escolas francesas de arquitetura exigem que a nota global no exame seja, no mínimo, 350 (de um total de 699) e 10/20 na prova de expressão escrita.”  Contudo, quem tem o DALF (C2 ou C1) ou o DELF (B2) não precisa fazer o TCF-DAP. O TCF-DAP é aplicado somente uma vez ao ano, normalmente entre os meses de janeiro e fevereiro, por isso recomendamos que você comece o preparatório TCF 6 meses antes. Além disso, algumas formações vão exigir a apresentação de um portfólio pessoal que deverá ser anexado no seu dossiê da Campus Art.

 

Como apresentar seu portfólio

A apresentação dos trabalhos realizados pode ser feita através de um blog ou portfólio, ou seja, plataformas gratuitas. Contas do Facebook, por exemplo, não servem como link aceitável. Alguns dos sites recomendados pela plataforma Campus Art são: Behance, Ultrabook, Portofoliobox e Cargo Collective. O seu site pessoal deve conter 3 seções principais: obras pessoais (20 trabalhos, acompanhados de uma descrição), o museu imaginário (15 obras de arte que te influenciaram, acompanhadas de uma breve explicação da ligação de cada uma com o seu trabalho) e a sua carta de motivação ou projeto de estudos. O seu site pessoal deve ser anexado na parte “contato” da plataforma.

 

Estude francês com a gente!

Se você tem o sonho de ir estudar na França, nós podemos te ajudar! Os nossos cursos de francês online têm uma metodologia pensada especialmente para brasileiros, por isso já levamos mais de 9.000 pessoas a estudar na França!

Dê o primeiro passo experimentando nosso curso durante 7 dias e sinta como é ser um aluno do Curso de Francês Online.

últimos artigos

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *