Sua porta de entrada para a França
  Loja Online

Acompanhe as mudanças da plataforma do Campus France com o IFESP

Publicado em: 19 de dezembro de 2015

No dia 1o de dezembro, o Campus France lançou a sua nova plataforma simplificada para os brasileiros que querem estudar em Universidades e Escolas Francesas conectadas à essa plataforma. Saiba mais sobre a nova plataforma do Campus France aqui.

Mudança nos documentos do dossiê de candidatura do Campus France para estudar na França

Antes eram pedidos: um currículo, uma carta de apresentação e projeto de estudo e profissional únicos para todas as formações escolhidas.

Agora a carta de apresentação foi substituída pela possibilidade de escrever uma carta de motivação específica para cada formação escolhida. Essa carta tem um tamanho máximo de 1 500 caracteres (3 pequenos parágrafos). Essa motivação específica deve responder às seguintes perguntas: Por que eu escolhi essa formação? Por que eu escolhi esse estabelecimento? Qual é o meu projeto profissional depois dessa formação na França?

Para os Masters Recherche, não precisa mais anexar um projeto de pesquisa, mas se você for se candidatar a esse tipo de formação, você precisará redigir esse projeto, pois ele será pedido pelo Responsável de Master após a aceitação no Master escolhido. Você também terá que incluir algumas palavras sobre seu projeto de pesquisa na nova carta de motivação específica pedida pelo Campus France.

O desafio dessa nova carta de recomendação é sua extensão muito reduzida, você terá que usar das técnicas de resumo. Mas não se preocupe, o IFESP já montou uma metodologia e novos modelos para se adaptar ao novo formato do dossiê de Campus France.

Para quem já tinha começando a montar seu dossiê no antigo formato, não desanime: saber redigir uma carta de motivação completa é um bom treinamento, você terá que refazer esse exercício para se candidatar às vagas de emprego ou estágio!

A importância de um currículo completo e de boas cartas de recomendação no dossiê Campus France

Na nova plataforma, a possibilidade de anexar um currículo e cartas de recomendação é opcional mas esses documentos são de fato essenciais: dado o tamanho da carta de motivação, o currículo e as cartas de recomendação, esses são os únicos documentos que permitem que o responsável da formação escolhida avalie o seu perfil de maneira mais completa.

O currículo vai permitir detalhar seu percurso acadêmico e profissional, destacando informações importantes (média geral, título do TCC, estágios, trabalhos, atividades acadêmicas extracurriculares) e vai permitir valorizar os conhecimentos e competências que foram adquiridos ao longo da sua formação. Ele também poderá mostrar seus interesses além do estudos (trabalhos voluntário, esporte, lazeres, etc). Será o melhor jeito para o examinador conhecer você melhor!

Em relação às cartas de recomendação, o ideal é ter duas cartas: uma acadêmica e uma profissional. Você terá que ter cuidado na seleção das pessoas que assinarão essas cartas, bem como no conteúdo das mesmas, visto que elas serão verdadeiros cartões de visita e permitirão que você se destaque entre os múltiplos dossiês recebidos pelos responsáveis das formações escolhidas.

Com o IFESP, você terá a certeza de preparar um dossiê completo no formato do Campus France, com uma assessoria de qualidade ao longo do processo, para garantir uma vaga em uma Universidade Francesa.

Mudanças dossiê candidatura Campus FranceMudanças dossiê candidatura Campus FranceMudanças dossiê candidatura Campus France

 

últimos artigos

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *